No dia 1 de Julho


“Solidariedade Inter-geracional e gestão de recursos naturais” é o tema da palestra que vai ser proferida no dia 1 de Julho, às 18.30 horas, por D. Manuel Felício, bispo da Diocese da Guarda, no âmbito do segundo aniversário da Cápsula do Tempo Guarda 2050. 1 de Julho de 2015 será a data do segundo  aniversário do encerramento da cápsula que contém os testemunhos, fotografias e objectos de 40 personalidades sobre o presente e o futuro da região. Vai contar com um programa diversificado a decorrer na tarde do mesmo dia. Às 17.30 horas, na Encosta do Tempo, junto à Torre de Menagem, o primeiro momento consiste no cinzelar da laje com o ano 2015 no Passeio do Tempo e a plantação de mais uma árvore. A comitiva e todos quantos queiram participar nas celebrações deste aniversário seguem para o auditório do IPG, na Rua Soeiro Viegas. A partir das 18.30 horas é feita a entrega formal das chaves da Cápsula ao Banco BIC, que passa a ser mais um parceiro do projecto e será o fiel depositário até 2050, data da reabertura da Cápsula. Segue-se a palestra por D. Manuel Felício, centrada numa temática de grande oportunidade.
O aniversário continua com a apresentação de mais uma chávena de autor e de colecção, alusiva ao tema da Cápsula do Tempo Guarda 2050, com apresentação pela Associação Comercial da Guarda, encerrando com uma prova de espumante de Figueira de Castelo Rodrigo.
Refira-se que as comemorações deste segundo aniversário tiveram início a 28 de Abril, com a atribuição, no Dia Mundial do Sorriso, de um prémio solidário de mil euros por Automóveis Citroën a uma IPSS, o Centro Cultural e Social do Marmeleiro.
A Cápsula do Tempo Guarda 2050 foi um projecto que assinalou os 40 anos do Programa Escape Livre e os 65 Anos da Rádio Altitude, a 1 de Julho de 2013. Na Encosta do Tempo, junto à Torre de Menagem da Guarda, foi enterrada a Cápsula do Tempo, um depósito que reúne os testemunhos, as fotografias e alguns objectos de 40 personalidades de diversas áreas profissionais e de algumas entidades, empresas e turmas de escolas. A Cápsula do Tempo será desenterrada a 1 de Julho de 2050, sendo que anualmente estão previstas várias acções para a recordar e para dinamizar a Guarda.