Seia


A Feira do Queijo Serra da Estrela, em Seia, regressa ao formato presencial, nos dias 23, 24 e 25 de Abril, após o interregno do ano passado que aconteceu no mercado digital.
O certame, que há 44 anos acontece em Seia no fim-de-semana de Carnaval, mas que este ano transitou para a semana de Páscoa, mantém o figurino habitual, assente na valorização do sector primário e dignificação da actividade pastorícia.
Dedicado ao queijo de ovelha, o Queijo Serra da Estrela DOP, a que se juntam outros produtos endógenos (enchidos serranos, pão, mel, vinho…), a feira conta com uma centena de expositores, distribuídos pelo Mercado Municipal e zona circundante.
Este ano, o programa é concentrado em três dias, enriquecido pela habitual participação das colectividades musicais e de folclore do concelho, as mostras de lã/burel e os vários espaços expositivos, elencados na tradição da pastorícia na montanha mais alta do continente.
As vivências pastoris estarão uma vez mais representadas na Quinta do Pastor, mas também na mostra do Cão Serra da Estrela, assegurada pela LICRASE.
Na quinta, além da mostra de ovinos, de animais da quinta e da horta com culturas hortícolas e aromáticas, será possível assistir à ordenha e à tosquia da ovelha. A actividade também será valorizada no concurso de ovinos Serra da Estrela do concelho de Seia, promovido em parceria com a Ancose - Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Serra da Estrela.
No espaço circundante, fica instalado o mercado de artesanato, em colaboração com a Associação de Artesãos da Serra da Estrela, e as tradicionais tasquinhas, exploradas pelas associações do concelho.
O programa inclui, ainda, momentos de Cozinha ao Vivo, assente na valorização dos produtos endógenos, com a Escola Superior de Turismo e Hotelaria – IPG e a Estrelacoop.
A Feira do Queijo é promovida pelo Município de Seia, em colaboração com a Associação de Artesãos da Serra da Estrela, a Liga dos Criadores e Amigos do Cão Serra da Estrela (Licrase), a ANCOSE, a Estrelacoop, a Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede de Aldeias de Montanha (ADIRAM), contando com o apoio do Turismo Centro de Portugal e o patrocínio do Crédito Agrícola Serra da Estrela.