Pinhel


Nos dias 8, 9 e 10 de Maio, a cidade de Pinhel vai recuar no tempo e viver três dias de grande animação ao estilo medieval, com a realização da primeira edição da Feira Medieval - A Cidade do Falcão. O evento é organizado pela Câmara Municipal e pela ANDARTE - Associação Nacional para o Desenvolvimento do Artesanato, uma associação de artesãos de direito privado, sem fins lucrativos, de âmbito nacional, que tem a sua sede no concelho de Matosinhos.
Segundo fonte da Câmara Municipal de Pinhel, o evento, que é realizado pela primeira vez, com o objectivo de animar a cidade e de atrair visitantes, envolverá “cerca de 200 pessoas”, entre atores, figurantes, e expositores. Do concelho de Pinhel participam 70 expositores e sete tasquinhas. A animação da Feira Medieval será assegurada pela ANDARTE. “Serão à volta de 45 actores que vão participar. De meia em meia hora há animação, o que leva as pessoas a percorrer as ruas da zona histórica de Pinhel”, referiu a mesma fonte ao Jornal A Guarda.
O certame envolverá associações, instituições e Juntas de Freguesia do concelho de Pinhel, que participarão com exposição e venda de vários produtos locais (doces, mel, azeite, produtos agrícolas, etc.). “Vamos ter o melhor da gastronomia e dos sabores do concelho”, assegura a autarquia de Pinhel.
O evento também envolve a comunidade escolar, pois logo no primeiro dia, 8 de Maio, pelas 14.30 horas, haverá um Cortejo Medieval com a participação de cerca de 600 alunos do Agrupamento de Escolas de Pinhel.
Com a Feira Medieval a Câmara Municipal pretende que Pinhel “passe a ser mesmo conhecida como Cidade Falcão”. Para o efeito, haverá várias iniciativas em torno desta temática, com destaque para o voo do falcão e para uma forte componente cénica baseada na representação da Lenda do Falcão, que está associada à História de Pinhel e que lhe dá o epíteto de Cidade Falcão.
Partindo da grande praça central da cidade, frente aos Paços do Concelho, e prosseguindo pelas ruas do Centro Histórico, a Feira Medieval culminará junto ao Castelo de Pinhel, local de singular beleza e encanto, com as melhores vistas sobre a cidade.
Durante o certame também haverá manjares, tabernas, cortejos, torneios, teatro, música, dança, animação de rua e uma Ceia Medieval (agendada para o dia 9 de Maio, a partir das 19.30 horas e sujeita a marcação prévia. “Se o tempo ajudar”, a organização prevê acolher “milhares de pessoas” em Pinhel, durante os três dias da Feira Medieval.