Evento decorre no Centro Logístico de Pinhel


O Aproveitamento Hidroeléctrico de Pinhel, situado nas ribeiras das Cabras e da Pêga, na bacia hidrográfica do rio Côa, foi o local escolhido pelo município de Pinhel para fazer a apresentação da 29ª edição da Feira das Tradições e Actividades Económicas, que vai decorrer de 9 a 11 de Fevereiro e, este ano, “tem o melhor cartaz de sempre”.
Com o tema “Água e sustentabilidade: um desafio para todos”, a Feira das Tradições e Actividades Económicas acontece no Centro Logístico de Pinhel e vai ocupar 17 mil metros quadrados de área coberta e dispõe de quase 400 lugares de estacionamento.
A edição deste ano tem “o melhor cartaz de sempre pois abrange todo o tipo de público”, explicou o presidente da autarquia. Rui Ventura referiu que a aposta passa pelas “várias vertentes na música” com o intuito de atrair ainda mais visitantes ao evento.
Destaque para os concertos de Rui Veloso e Golden Gypsies (9 de Fevereiro), Wet Bed Gang, DJ Kura (10 de Fevereiro), Quim Barreiros, Sangre Ibérico e Nuno Ribeiro (11 de Fevereiro). Mas o programa ainda inclui dois grandes tributos às míticas bandas Queen e Pink Floyd (9 de Fevereiro), a banda espanhola R.A.Y.A. (10 de Fevereiro) e a portuguesa Kapittal (11 de Fevereiro), os DJs Kimono (9 de Fevereiro) e Dei Santi (11 de Fevereiro), além da habitual presença das formações pinhelenses – Banda Filarmónica de Pinhel e Academia de Música de Pinhel (com a participação da Universidade Sénior), Banda Filarmónica de Pínzio, Rancho Folclórico “A Flor do Campo”, de Souropires e os grupos de Concertinas da Casa do Povo de Pinhel, de Alverca da Beira / Bouça Cova, do Safurdão e de Vascoveiro.
O programa do evento começa com o Desfile Alegórico que abre a Feira das Tradições, sexta-feira, com início pelas 14.30 horas, junto à Escola Secundária, percorrendo a Av. Carneiro de Gusmão, a Av. Frederico Ulrich e a Rua da República, terminando junto à Câmara Municipal.
Rui Ventura explicou que se trata de “um desfile diferenciador, tem um tema”, o mesmo da Feira das Tradições que “é trabalhado na Escola como actividade curricular”, ao longo do ano.
A inauguração da 29ª Feira das Tradições e Actividades Económicas, está marcada para as 18.00 horas, do dia 9 de Fevereiro.
Do programa do evento também faz parte a realização de um Colóquio, no dia 10, a partir das 14.30 horas sobre “Água e sustentabilidade: um desafio para todos”, bem como a entrega dos prémios do Concurso de Fotografia Objectiva Pinhel 2023 também dedicado ao mesmo tema.
Rui Ventura adiantou que o Feira vai contar com cerca de 200 expositores, incluindo todas as Freguesias do Concelho de Pinhel, representações institucionais, Saberes e Sabores, Actividades Económicas e as tasquinhas, com restaurantes e bares, espaço onde também têm lugar os espectáculos.
O autarca disse ainda que “a Feira das Tradições é o maior evento da cidade de Pinhel e da Beira Interior”, com “impacto em toda a região”, o que obriga a organização a ter uma grande preocupação com a segurança. A avaliar pelo programa, este ano o evento “vai ter mais gente” podendo ultrapassar os 60 mil visitantes registados em 2023.
A apresentação da Feira das Tradições foi precedida de uma visita guiada pelo responsável da Hidroerg, empresa-mãe do grupo proprietário do Aproveitamento Hidroeléctrico de Pinhel.