Mêda


A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, identificou e deteve, numa aldeia do concelho da Mêda, um homem pela presumível prática de um crime de homicídio qualificado na forma tentada e outro de detenção de armas de fogo proibidas. De acordo com a PJ, o crime de homicídio “teve lugar num clima de desavenças entre dois vizinhos, ambos agricultores, por motivo da disputa de um terreno de interesse comum”, tendo sido cometido por meio de um disparo com uma pistola de calibre 6,35 mm, que atingiu a vítima na região abdominal. Em resultado das diligências que se seguiram, foi possível aos elementos da PJ esclarecer adequadamente o sucedido e localizar e apreender três armas de fogo, uma das quais usada na prática do crime.
O detido, com 76 anos de idade, foi sujeito a primeiro interrogatório judicial, na sequência do qual ficou sujeito à medida de coacção de prisão preventiva.