Mêda


O projecto da construção do regadio da barragem da Coriscada está em condições de ser candidatado ao programa nacional de regadios. O anúncio foi feito durante a visita do Primeiro-Ministro, António Costa e do Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Capoulas Santos, à empresa de vitivinicultores Quinta do Vale d’Aldeia, na última sexta-feira, 18 de Janeiro.
Anselmo Sousa, presidente da Câmara de Mêda, disse que o concelho vive sobretudo da agricultura e, por isso, é de extrema importância a construção da Barragem Hidroagrícola da Coriscada, que faz parte da Estratégia para o Regadio Público 2014-2020, do Ministério da Agricultura, cujo perímetro de rega irá estender-se por uma área de cerca de 210 hectares ao longo da Ribeira do Prado (sub - bacia do rio Côa). O autarca considera que esta infra-estrutura irá ser fundamental para o aumento substancial da competitividade da agricultura, não só na sua zona envolvente mas, também, em todo o concelho, mediante o estímulo a outros investidores de outras áreas que gerem ali riqueza.
Este projecto vai irrigar 210 hectares, abrange 162 proprietários e representa um investimento de 14 milhões de euros.
O Primeiro-Ministro, António Costa disse que o investimento vai melhorar a produtividade das produções agrícolas no território e, ao mesmo tempo, agregar novas produções.
O Primeiro-Ministro deixou ainda a garantia de estar empenhado na resolução do problema de carência de médicos de família, no Centro de Saúde de Mêda.