Manteigas
Presidente da República elogiou exemplo das duas fábricas de burel

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, esteve no domingo, dia 8 de Junho, em Manteigas, onde visitou as fábricas Ecolã e Burel Factory e o Centro Interpretativo do Vale Glaciar do Zêzere.
Na ocasião, Cavaco Silva destacou o exemplo das duas fábricas de burel que visitou e elogiou a forma como os empresários apostaram na reinvenção de um produto artesanal produzido a partir da lã dos rebanhos de ovelhas da Serra da Estrela.
“Precisamos de mais produtos como o burel, produtos genuínos, únicos e produtos bem portugueses”, disse. E acrescentou: “Há riquezas no Interior, há produtos endógenos no Interior, há valores culturais e valores históricos no Interior que podem ser aproveitados”.
Cavaco Silva disse ainda que tem “muita esperança” de que da crise que o país atravessa “saia uma economia mais dinâmica, mais sustentável, mais integrada nos mercados internacionais e mais competitiva”.
No discurso proferido no final da visita ao Centro Interpretativo do Vale Glaciar do Zêzere, o Presidente da República lembrou que, anteriormente, esteve duas vezes em Manteigas, admitindo que a vila está associada a momentos “muito particulares” da sua vida. Recordou que foi ali que passou a lua-de-mel, dias antes de embarcar para África, e que a vila localizada “no coração da Serra da Estrela” foi também o local escolhido para reflectir no programa que iria aplicar no seu primeiro Governo, no ano de 1985. “Regresso agora, num tempo de esperança”, rematou.
O presidente da Câmara Municipal de Manteigas, José Manuel Biscaia, entregou a Chave de Cristal da vila ao Presidente da República e aproveitou a presença do Chefe de Estado para pedir mais atenção para o seu concelho. O autarca mostrou-se preocupado com a diminuição da população e lembrou que a autarquia a que preside tem programas de apoio à natalidade, à fixação de pessoas e também ao investimento. “Queremos cativar empresários empenhados e motivados”, sublinhou o autarca.
Falando depois do sector do turismo, reivindicou a melhoria da estrada de ligação às Penhas da Saúde e à Torre que “lamentavelmente”, segundo José Manuel Biscaia, está “longe de ter as condições exigíveis a uma via”.