Manteigas

A Câmara Municipal de Manteigas está empenhada na revitalização do Complexo da Relva da Reboleira, em que está incluída a pista de ski, de tapete artificial.O executivo aprovou na reunião de 1 de Abril, a proposta de revogação do contrato de Concessão de Exploração do Complexo da Relva da Reboleira.A proposta de revogação foi aprovada por maioria, com os votos contra da vereadora Irene Leitão e do vereador José Cardoso e a abstenção do vereador José Biscaia. A revogação por mútuo acordo do contrato de Concessão de Exploração do Complexo da Relva da Reboleira, sito na freguesia de Sameiro, concelho de Manteigas, tem efeitos a partir de Maio de 2020. Em relação aos valores que, estando em dívida, foram previamente negociados e acordados entre as partes, sendo aprovado o seguinte plano de pagamentos: 2 500 euros relativos a renda devida pelo ano de 2019; 15 000 euros, relativos a rendas vencidas em 2015 e 2016, a liquidar trimestralmente ao longo de 11 anos (44 trimestres, 341 euros por trimestre); 2 500 relativos a renda devida pelo ano de 2017; 2500 euros relativos a renda devida pelo ano de 2018.Foi ainda aprovada a realização prévia, pelos Serviços Municipais, de uma vistoria aos bens imóveis e móveis adstritos à concessão, da qual se lavrará o respectivo auto (com registos fotográficos) sobre o estado de conservação dos bens.Em declarações ao Jornal A GUARDA, o presidente da Câmara Municipal de Manteigas disse que é importante “voltar a dinamizar o espaço”. Esmeraldo Carvalhinho considera que o Complexo da Relva da Reboleira, com Parque de Campismo e Caravanismo, parque de merendas e pista de ski de tapete artificial, “bem gerido pode trazer vantagens ao concelho de Manteigas e à região”. E acrescentou: “Estamos a fazer para o local um plano de pormenor que irá possibilitar a instalação de novos equipamentos bem como a ampliação da pista”. A Câmara de Manteigas está à procura de novos parceiros tendo em vista “a contratualização de nova exploração para o espaço”.