Guarda


A primeira prostatectomia radical por via laparoscópica na ULS Guarda, foi realizada no dia 1 de Setembro. A Cirurgia minimamente invasiva, realizada no tratamento de carcinomas da próstata localizados, foi efectuada pela Equipa Cirúrgica: Dr. Hugo Antunes, Dr. Luís Sousa e Dr. Duarte Brito.
A Unidade de Urologia da ULSG realiza cerca de 40 prostatectomias radicais por ano, contudo, até à semana passada foram sempre realizadas pela técnica tradicional, por via aberta.
A cirurgia laparoscópica tem a vantagem de ser menos invasiva, com pequenas incisões. Além disso, os estudos mostram que o tempo de internamento destes doentes é mais curto e a necessidade de transfusões sanguíneas também é inferior.
A Unidade de Urologia da ULS Guarda realiza cerca de 35 cirurgias por mês, quer oncológicas (próstata, rim, bexiga, pénis) quer por patologias benignas (tais como hiperplasia da próstata, cálculos urinários, incontinência urinária, entre outros).