Câmara Municipal da Guarda

A tomada de posse do novo presidente da Câmara da Guarda está marcada para o dia 16 de Outubro, à tarde. Sérgio Costa vai ocupar a cadeira maior da autarquia, substituindo no cargo Carlos Chaves Monteiro. Sérgio Costa tem 45 anos, é natural Peso da Régua. Tem Licenciatura em Engenharia Mecânica pelo Instituto Politécnico da Guarda, Pós-Graduação em Sistemas Públicos de Abastecimento de Água e Drenagem de Águas Residuais. É Técnico Superior na Empresa Águas do Vale do Tejo, do Grupo Águas de Portugal. Em Setembro de 2013 foi eleito vereador na lista do PSD, liderada por Álvaro Amaro, à Câmara da Guarda, tendo sido reeleito em 2017. Com a saída de Álvaro Amaro da presidência da autarquia, Sérgio Costa assumiu a vice-presidência mas, por destituição de Carlos Chaves Monteiro passou a vereador sem pelouros, em Março de 2020.Lidera o Movimento Pela Guarda com o qual venceu as eleições autárquicas do dia 26 de Setembro, com 36,22% dos votos. Com esta vitória o movimento de cidadãos Pela Guarda conquistou a presidência ao PSD, que para estas eleições apresentou como candidato Carlos Chaves Monteiro. No apuramento dos resultados nas 43 freguesias, o Movimento Pela Guarda obteve 36,22% dos votos, a que correspondem três mandatos. O PSD, que presidia à Câmara desde 2013, obteve 33,68% dos votos e três mandatos. O PS obteve 17,98% dos votos e um mandato. O movimento Pela Guarda obteve 8559 votos, contra 7958 do PSD e 4249 votos do PS. Recorde-se que a Câmara da Guarda foi presidida, até agora, por Carlos Chaves Monteiro, que substituiu Álvaro Amaro quando este foi eleito para o Parlamento Europeu. A distribuição dos mandatos ficou assim ordenada: 1º Sérgio Costa (PG); 2º Carlos Monteiro (PPD/PSD); 3ºDiana Rodrigues Monteiro (PG); 4 Luís Couto (PS); 5º Lucília Monteiro (PPD/PSD); 6º Amélia Fernandes (PG); 7º Victor Amaral (PPD/PSD).