Guarda

O Instituto Politécnico da Guarda – IPG quer modernizar a Administração Pública portuguesa com recurso aos protocolos blockchain e tornar-se num centro nacional de competências desta tecnologia. Para avançar com este projecto de modernização financiado pela União Europeia, o Instituto Politécnico da Guarda criou uma unidade da Rede Europeia de Blockchain – EBSI, pioneira no país. A EBSI é uma iniciativa da Comissão Europeia para digitalizar os serviços públicos dos Estados-membros.  Para montar este projeto de tornar as bases de dados da Administração Pública portuguesa mais segura e mais impenetrável, e para participar em projectos europeus de criação de novos serviços para os cidadãos, o Instituto Politécnico da Guarda associou-se à empresa tecnológica portuguesa To Be Blockchain. Esta empresa, liderada por António Matias Gil, está a construir com o IPG o primeiro nó português da EBSI.