Guarda

A candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura vai ser entregue a 23 Novembro, anunciou o Presidente da Câmara da Guarda, no final da reunião do executivo que decorreu no dia 28 de Outubro, na Câmara Municipal da Guarda. Sérgio Costa explicou que o actual executivo vai limitar-se a seguir o trabalho que foi realizado ao longo do último mandato.  O autarca já reuniu com os elementos que fazem parte da equipa que estão ligados a esta candidatura e espera que a Guarda obtenha um bom resultado.Aveiro, Braga, Coimbra, Évora, Faro, Funchal, Leiria, Guarda, Oeiras, Ponta Delgada e Viana do Castelo são as cidades que manifestaram interesse na candidatura à Capital Europeia da Cultura 2027, que decorrerá em simultâneo em Portugal e na Letónia. A escolha da cidade vencedora será feita por um júri composto por dez peritos independentes, nomeados por instituições europeias, e para o qual Portugal escolherá dois elementos. A verba disponível para a Capital Europeia da Cultura 2027 é de 25 milhões de euros. A iniciativa Capital Europeia da Cultura tem como objectivos “a salvaguarda e promoção da diversidade das culturas, na Europa, realçando as características comuns que partilham, fomentando o sentimento de pertença a um a um espaço cultural comum”.