Covilhã


A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, procedeu à detenção de quatro homens de nacionalidade portuguesa e um de nacionalidade brasileira. De acordo com a Polícia Judiciária as detenções aconteceram “na sequência de diligências de investigação, iniciadas há cerca de sete meses, e no cumprimento de mandados judiciais”. Durante a operação foram realizadas sete buscas domiciliárias, cinco no município da Covilhã e duas na área metropolitana de Lisboa, das quais resultou “a apreensão de produto estupefaciente equivalente centenas de doses individuais diárias, quatro balanças de precisão, vários telemóveis, equipamentos informáticos e outros objectos relacionados com a actividade A Polícia Judiciária avança que “os detidos, com idades compreendidas entre os 23 e os 26 anos de idade, um funcionário bancário, dois estudantes e dois sem ocupação profissional, mantinham ligações entre eles na actividade delituosa agora desarticulada, possuindo, um deles, antecedentes policiais por crimes da mesma natureza”.