Celorico da Beira


A Associação Confraria do Azeite e Queijo Tradicional e Outros Produtos Produzidos no Concelho de Celorico da Beira apresentou, recentemente, à Câmara Municipal de Celorico da Beira, um pedido de criação de uma “queijaria tradicional/artesanal”. Em carta enviada ao presidente da autarquia é referido que “no concelho de Celorico da Beira ainda existem muitos agricultores com rebanhos de ovelhas e que os mesmos as ordenham, sendo obrigados a vender o leite recolhido diariamente, não tendo possibilidade de produzir o tradicional queijo da serra, por nítida carência de meios e condições”.
O documente adianta também que os pastores do concelho “não têm as mínimas condições de construírem e manterem uma queijaria tradicional”.
A Associação Confraria, presidida por António José Baptista, está preocupada com a redução do fabrico artesanal do queijo da serra, bem como de outros produtos, nomeadamente o azeite.
Perante esta constatação, a Associação Confraria do Azeite e Queijo Tradicional e Outros Produtos Produzidos no Concelho de Celorico da Beira considera que a autarquia “deveria implementar e levar por diante a criação de, pelo menos, uma queijaria tradicional onde os nossos pastores pudessem com o seu leite produzir o seu queijo da serra para bem das nossas populações locais de incremento de uma actividade que outrora teve o seu esplendor”.