Celorico da Beira


O Município de Celorico da Beira, berço de Sacadura Cabral, associa-se às comemorações dos 100 anos da Travessia Transatlântica com diversas actividades para homenagear o ilustre filho da terra e enaltecer o seu papel determinante, enquanto mentor e piloto, no sucesso da arrojada aventura de fazerem uma ponte aérea sobre o oceano Atlântico, ligando Lisboa ao Rio de Janeiro.
O município de Celorico da Beira celebra o Feriado Municipal na próxima segunda-feira, 23 de Maio, data de aniversário do nascimento de Sacadura Cabral. Para assinalar a data, este ano, por força das Comemorações do Centenário da Travessia Aérea do Atlântico Sul, as festividades decorrem de 20 e 23 de Maio, “com o intuito de prestar tributo ao ilustre filho da terra e reconhecer e propagar o seu feito épico”.
O Município vai promover durante 4 dias, diversas actividades de cariz lúdico-pedagógico, científico e cultural, subordinadas à temática de Sacadura e/ou das Travessia, com a envolvência da população, entre as quais um simpósio, exposições, espectáculos de música, dança e teatro e a apresentação de dois livros.
No dia 23 de Maio, dia Feriado Municipal, o programa começa às 10.30 horas com o hastear da bandeira, nos Paços do Concelho. Segue-se a romagem á estátua de Sacadura Cabral e o descerramento de placa comemorativa do Centenário da Travessia Aérea do Atlântico Sul. Para as 12.30 horas está anunciada a inauguração do edifício Casas do Castelo e da exposição alusiva a Sacadura Cabral. Durante a tarde, às 17.30 horas, tem lugar o lançamento do livro “A grande aventura – Na Primeira travessia Aérea do Atlântico Sul”, de Mário Correia.
As comemorações terminam com um concerto da Banda de Música da Força Aérea, no Centro Cultural, a partir das 21.30 horas.