Obra vai custar cerca de 200 mil euros

A construção do Centro de Recolha Oficial e Parque de Bem-estar Animal São Francisco de Assis, iniciativa conjunta dos municípios de Celorico da Beira e Gouveia, vai custar cerca de 200 mil euros e deverá estar concluída dentro de oito meses. O lançamento da primeira pedra aconteceu no dia 31 de Março e contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira, Carlos Ascensão, do presidente da Câmara Municipal de Gouveia, Luís Tadeu, e ainda de vários elementos do executivo municipal dos dois municípios, o gabinete veterinário municipal, o Comandante do Posto Territorial da GNR de Celorico da Beira, Márcio Cosme, a Diretora de Serviços de Alimentação e Veterinária da Região Centro (DGAV), Rosa Rodrigues, entre outros.O Centro de Recolha Oficial e Parque de Bem-estar Animal São Francisco de Assis está a ser construído num espaço desactivado de uma antiga estação de tratamento de águas residuais de Celorico da Beira, tem cerca de 2.000 metros quadrados de área de construção e uma capacidade de acolhimento para 100 cães. O projecto contempla uma recepção, uma sala de esterilização com recobro, consultório, um anfiteatro para acções de sensibilização ao visitante, arrumos e instalações sanitárias de apoio, 25 boxes de canil e gatil, uma boxe para animais de outras espécies, um espaço exterior de convívio, uma sala administrativa e instalação sanitária, uma sala de tosquia e banho exterior.Os municípios vão investir cerca de 200 mil euros na criação deste Centro Intermunicipal de Recolha de Animais Errantes que será comum aos dois concelhos e que vai permitir colmatar a problemática dos animais abandonados, vadios e errantes dos concelhos, acolhendo cães e gatos, sejam entregues por particulares ou recolhidos na via pública.