Almeida

Escola de soldado 2021, organizada pelo Município de Almeida, através do Museu Histórico Militar de Almeida, em colaboração com o Grupo de Reconstituição Histórica do Município de Almeida, contou com a inscrição de 20 recrutas. A iniciativa também contou com a presença de 52 alunos do Agrupamento de Escolas de Almeida e de Figueira de Castelo Rodrigo, acompanhados por diversos professores, que em ambiente informal mas didáctico, tiveram contacto com a recriação histórica viva. Na iniciativa tiveram contacto com conhecimentos da época com aplicação actual nas áreas da matemática, saúde, transportes, alimentação, biologia de entre outras.Este ano, a Escola de Soldado, cuja temática enquadrou uma recriação história viva, apesar das restrições impostas devido à pandemia (covid 19), teve um limitado número de participantes e visitantes. As actividades recreativas de cariz histórico aconteceram durante o período de 21 a 23 de Maio.A Escola Soldado existe desde 2008 com o objectivo principal de acolher e instruir novos recrutas nas lides das guerras peninsulares e/ou outras épocas singularmente importantes para a História de Almeida. Trata-se de um compromisso com quase duas décadas que continua vivo e que se desenvolve em prol do património histórico e militar de Almeida e da história nacional, tendo como premissa a educação para o património que é o garante da sua salvaguarda pelas gerações mais novas.