Aguiar da Beira

Aguiar da Beira

Aguiar da Beira Os membros do Conselho Municipal de Juventude (CMJ) de Aguiar da Beira tomaram posse em Fevereiro e a primeira reunião daquele órgão consultivo deverá acontecer ainda no primeiro trimestre deste ano, anunciou o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Bonifácio. Com a criação do CMJ, o autarca espera que os jovens do seu concelho possam colaborar com o executivo municipal na discussão de questões relacionadas com o concelho e na ajuda para a resolução de problemas. “É um órgão consultivo, mas queremos que seja um órgão com actividade e dinâmico. Queremos que a juventude seja mais participativa nas políticas concelhias”, declarou. Joaquim Bonifácio apontou que “muitas vezes” os executivos municipais andam “absorvidos com esta e com aquela situação” e que, por isso, considera importante a participação dos jovens e o seu contributo para a apresentação de novos projectos e de novas ideias. Segundo o Município de Aguiar da Beira, os representantes de instituições de juventude locais com assento naquele órgão irão contribuir para a definição das políticas municipais de educação, desenvolvimento local e de acção social e para a promoção de emprego jovem. O CMJ é o órgão consultivo do município sobre matérias relacionadas com a política de juventude e visa colaborar na definição e execução das políticas municipais de juventude, assegurando a sua articulação e coordenação com outras políticas sectoriais, nomeadamente nas áreas do emprego e formação profissional, habitação, educação e ensino superior, cultura, desporto, saúde e acção social. É liderado pelo presidente da Câmara Municipal e integra um membro da Assembleia Municipal de cada partido ou grupo de cidadãos eleitores, o representante do município no Conselho Regional de Juventude, um representante de cada associação juvenil com sede no município inscrita no Registo Nacional de Associações Jovens e representantes de associações de estudantes, de juventudes partidárias e de jovens.