Opinião

No meu último artigo saí em defesa do bom nome e da probidade parcimoniosa do Presidente da República, enxotando as insinuações e os enxovalhos com que o quiseram atingir a propósito do episódio das gémeas luso-brasileiras.

Cá estamos nós em mais um novo ano que certamente vai modificar as nossas condições de vida.

Todos os anos, sensivelmente no início do Advento, este de 2023 não foi exceção, os troncos de muitas árvores desta cidade da Guarda exibem as fantasias das crianças expressa em motivos natalícios.

Andamos há oito anos a ouvir dizer que o Primeiro-Ministro António Costa é, por certo, o mais talentoso político da sua geração.

Cá estamos nós a atingir o final do ano de dois mil e vinte e três.

Naquele dia de Dezembro, o pequeno Gil subiu ao sobrado da casa. Finalmente e furtivamente.

O Homem é um ser profundamente relacional. Existe em relação.

Vem aí a festa de Santa Luzia. Nunca, em miúdo, ouvira falar desta minha padroeira.

Um amigo costuma dizer-me que as melhores histórias são as verdadeiras. Podíamos também dizer que os melhores contos de Natal são os verdadeiros.