Diocese

Papa quis chamar a atenção para os chamados países da “periferia”

De 28 de Setembro a 4 de Outubro, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, participa nas seguintes iniciativas:

Jornadas Missionárias e de Pastoral Juvenil

De 21 a 27 de Setembro, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, participa nas seguintes iniciativas:

Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais

Multidão saudou o novo Bispo

A Comissão Episcopal para as peregrinações emitiu um comunicado onde afirma que “não é perigoso visitar a Terra Santa” e encoraja os peregrinos a visitarem o país, “em grande número”, para apoiarem as comunidades cristãs locais.
“Na realidade o itinerário das peregrinações entre Nazaré, Tiberíade, Jerusalém e Belém sempre foi e continua a ser seguro. Caso contrário os agentes locais seriam os primeiros a chamar a atenção para uma situação grave de perigo e rapidamente tomariam as medidas necessárias”, explica o presidente da Comissão Episcopal para as Peregrinações.
Nesse sentido, a Comissão Episcopal para as Peregrinações pede às conferências episcopais que animem as paróquias e as associações a divulgarem uma mensagem de “encorajamento junto dos peregrinos”.
“Teremos a maior alegria em proporcionar toda a ajuda necessária para tornar esta viagem espiritual agradável e frutificante”, acrescenta D. William Shomali.