Editorial

Não deixar ninguém para trás num processo onde todas as vozes contam é a grande prioridade do processo sinodal que está a decorrer até 2023.

Nas eleições autárquicas do dia 26 de Setembro, os movimentos independentes ganharam força um pouco por todo o País.

Os números dos Censos não deixam dúvidas e os resultados da noite eleitoral do último Domingo

Este Domingo, 26 de Setembro, os portugueses são chamados a escolher os seus legítimos representantes nos órgãos executivos (a câmara municipal e a junta de freguesia) e nos órgãos deliberativos (a assembleia municipal e a assembleia de freguesia).Em Portugal têm direito ao voto todos os cidadãos maiores de 18 anos, salvaguardadas as restrições previstas na lei.

A vacinação em massa da população portuguesa está a permitir o regresso à normalidade possível,

Confinamento e comunicação

Estamos a poucos dias do início de um novo ano lectivo.

Regresso às origens