O grupo «Le Kiosque à Pizzas» abriu um quiosque de inspiração parisiense na cidade da Guarda, no dia 22 de Abril,

na Rua da República, perto da Rotunda do Bairro do Pinheiro (junto à estação de lavagem automóvel Elefante Azul) que disponibiliza ao público uma grande variedade de pizzas da marca, que se distinguem pelo fabrico artesanal. A marca «Le Kiosque à Pizzas» é uma rede francesa de preparação e venda de pizzas take away. Foi fundada em 2004 por quatro sócios franceses, proprietários de quiosques, que criaram a KAP Développement com o fim de promover o seu negócio e a sua marca. De acordo com Marc Derrien a rede «Le Kiosque à Pizzas» “tem ao dispor dos seus clientes pizzas tradicionais, confeccionadas com ingredientes frescos e certificadas 100 % em relação à qualidade, sabor e especialidades de cada região”. “Actualmente a marca «Le Kiosque à Pizzas» em França tem 378 quiosques em funcionamento, e um promissor plano de expansão, com a abertura de um quiosque por semana. A marca desenvolve-se como uma marca de franchising, mas sem os seus inconvenientes, pois não se pagam direitos de entrada nem royalties e taxa de publicidade. Ao adquirir um quiosque, o parceiro passa a ser proprietário de uma ferramenta de trabalho totalmente equipada e, através do referido contrato, fica garantida a exclusividade de um determinado território. Nos nossos quiosques de inspiração parisiense, os clientes podem encontrar diversas variedades de pizzas frescas, preparadas na hora e de forma artesanal. Trabalhamos com os melhores fornecedores para oferecer aos nossos clientes ingredientes frescos e de alta qualidade”, foi referido ao Jornal A GUARDA. O quiosque disponibiliza ao cliente: pizzas (dois tamanhos 29 cm ou 33cm com mais de 30 sabores diferentes (nas seguintes categorias: Básicas, Clássicas, Gulosas, Especiais e Doces), bebidas e gelados de copo. É possível adquirir pizzas a partir de 5,90 euros (margarita média) e Kiosquito e Kiosqui’part, que são produtos substitutos da fatia de pizza, que funcionam como uma sande, com preços a partir do 2,90 euros. Exemplos de menus: Menu Kiosquito (1 kiosquito, + 1 bebida 33cl ou água 50 cl = 4,90 euros); Menu Kiosqui’ part (1 kioski’part, + 1 bebida 33cl ou água 50 cl = 3,90 euros); Menu criança (Pizza 20cm margarita ou fiambre, bebida à escolha: água, néctar ou refrigerante = 4,90 euros). Em Portugal, neste momento existem 4 quiosques do «Le Kiosque à Pizzas»: Guarda, Lagoa (Algarve), Peniche e Lourinhã. As razões da aposta na cidade da Guarda são as seguintes: “A cidade da Guarda corresponde aos critérios de localização dos quiosques. Os quiosques são instalados numa zona de clientes de 15.000 a 20.000 habitantes criada a partir de uma localidade de 8.000 a 12.000 habitantes. Oferta reduzida de pizzas frescas e tradicionais. População residente e afluência de turistas e emigrantes”. Quanto à localização do quiosque, a explicação é a seguinte: “Em França existe uma sinergia de longa data entre o «Le Kiosque à Pizzas» e as estações de lavagem Elefante Azul. Estes espaços reúnem as condições necessárias para a implementação do quiosque: local de passagem, boa visibilidade, espaço para esplanada e estacionamento”. Já quanto à receptividade dos clientes, Marc Derrien disse que “fomos muito bem recebidos pelos habitantes da Guarda, tem sido uma óptima surpresa trabalhar aqui”. “O principal meio de publicidade tem sido o boca-a-boca dos clientes que nos visitam e todos os dias recebemos novos clientes”, referiu. O «Le Kiosque à Pizzas» desenvolveu um sistema de expansão através de um contrato de licença de uso de marca e fornecimento exclusivo de mercadorias, assegurando a comercialização de quiosques que são utilizados para a fabricação e a venda de pizzas take away. Em Portugal a marca é representada por dois sócios: Marc Derrien e Nuno Mota. “Existe um plano de expansão em Portugal que prevê a abertura de 100 quiosques nos próximos 5 anos. Parte destas unidades serão abertas directamente pelos sócios que representam a marca em Portugal. Contudo o foco da marca é a abertura de quiosques por parceiros independentes e nesse sentido procuramos candidatos interessados em criar e gerir o seu próprio negócio. Os locais dos próximos quiosques ainda estão em análise”, foi ainda referido.