Turismo


Entre Janeiro e Agosto deste ano a cidade da Guarda registou um aumento de turistas de 8,16%, comparativamente com igual período de 2015, anunciou o presidente da Câmara Municipal na última reunião do executivo, realizada na segunda-feira, dia 26 de Setembro. “De Janeiro a Agosto deste ano verificou-se uma taxa de crescimento de 8,16%, que significa um aumento de quase cerca de 1.000 turistas em relação ao mesmo período de 2015, mas eu acho que o valor é mais elevado”, disse o presidente Álvaro Amaro. De acordo com o autarca, “estes 1.000 turistas são aqueles que foram ao Welcome Center”, localizado na Praça Luís de Camões, junto da Sé Catedral, admitindo que há muitos visitantes que se deslocam à cidade e que não procuram aquele espaço. Pelos dados divulgados pela Câmara Municipal da Guarda, entre Janeiro e Agosto visitaram a Guarda 12.700 turistas e em igual período do ano passado 11.742.
O relatório do Município também aponta o aumento da diversidade dos turistas, com os nacionais a representarem 42% (5.382), os espanhóis 25% (3.216), os franceses 14% (1.802) e os israelitas 4,5% (574). Os turistas visitam a cidade tendo em conta “o património natural e cultural, o ambiente calmo, a história, a hospitalidade, a gastronomia” e também “a grande promoção e notoriedade que a Guarda passou a ter”, explicou Álvaro Amaro.
Entretanto, em comunicado, o Município da Guarda reconhece que “a Guarda e o seu concelho enquadram-se, assim, num segmento turístico de carácter alternativo que procura lugares pouco saturados e com qualidade ambiental, propiciadores do contacto com o meio natural e da integração com a cultura local”. “Os dados estatísticos confirmam um aumento substancial do fluxo turístico, ao qual não serão alheios os grandes eventos que se realizam na Guarda em épocas determinadas do ano. A projecção que a Guarda tem tido naqueles que são considerados já eventos ancora na programação anual da cidade, designadamente, Guarda Folia, Feira Ibérica de Turismo, Santos do Bairro, Verão em Alta, Feira de Antiguidades, Feira Farta e Guarda Cidade Natal têm contribuído para o reforço deste território enquanto destino turístico”, justifica. E acrescenta: “Paralelamente, também todas as acções promocionais efectuadas fora do território local como a participação nas feiras BTL (Lisboa), INTUR (Valladolid) e FITUR (Madrid) corroboram para um aumento da procura deste território, considerado por muitos turistas como singular pela oferta”.
O vereador do PS, Joaquim Carreira, disse aos jornalistas, no final da reunião do executivo municipal onde os dados do movimento turístico foram apresentados, que “o turismo cresceu a nível nacional” e que o aumento do fluxo verificado na Guarda “não é uma exclusividade do concelho”.