Na estrada com...


No contacto que tivemos durante alguns dias com o e-up!, desde logo sobressai a simplicidade de utilização, bem como toda a informação de forma completa através da conjugação do computador de bordo no ecrã central e o sistema de entretenimento com GPS e informações sobre a condução, o fluxo de carga e muitos outros.
    A Volkswagen sobe de facto inovar e permitindo ao condutor optar por inúmeros modos de condução, entre dois programas de economia e quatro de recuperação de energia e que permitem gerir da melhor forma a limitação e tipo de utilização e tornar tudo no mínimo… diferente! Podemos rolar sem qualquer travagem associada à recuperação de energia na desaceleração, como podemos efetivamente aproveitar para ajudar no carregamento de energias. A par disto, experimentamos também o serviço Car-Net, que oferece uma mais-valia inegável, seja por termos a informação do estado do carro e da carga disponível, como porque nos permite verificar a autonomia atual, se a carga já terminou, e em qualquer altura, suspender ou iniciar a carga através da aplicação no smartphone. Permite ainda verificar a ultima posição de estacionamento e ligar a climatização do automóvel.
Na cidade, onde o e-up! se sente mais à vontade, não só pelas suas características citadinas e dimensões reduzidas, mas essencialmente pela facilidade e disponibilidade únicas da vertente elétrica, conseguimos desfrutar do silêncio e comodidade na utilização no seu expoente máximo, e “brincar” com os vários modos de operação, assim como com os arranques nos semáforos.
    O percurso diário do e-up! permite, com alguma margem, médias de 100 kms percorridos sem carregamento e sem preocupações, a partir daí é necessário uma boa gestão de percursos, recursos do automóvel e claro… do pé direito! Apesar de todos estes sistemas de economia e recuperação de energia, ainda nos tivemos que benzer num dos dias, quando o GPS nos informou que não era possível chegar ao destino com a carga disponível, sugerindo itinerários suplementares com pontos de carregamento. O anjo da guarda foi uma acentuada e longa descida, que tendo sido efetuada no nível máximo de recuperação de energia (B), permitiu aumentar a autonomia. Chegamos ao destino após todos os avisos terem sido despoletados, e com apenas três quilómetros de autonomia. Foi por pouco!
Com exceção de alguns pormenores específicos que o identificam, como sejam alguns pormenores de design, luzes diurnas em led que contornam o para-choques, jantes exclusivas de 15” com pneus de baixo atrito, e ainda o tecido e costura dos bancos e algumas decorações no interior, o e-up! é em tudo igual às restantes versões, incluindo dimensões, volumetria da bagageira e quotas de habitabilidade. O valor pedido pelo e-up! é de 25.700€ com baterias incluídas e a autonomia anunciada pela marca é de 160 kms.
Ainda assim, o e-up! posiciona a marca no topo das ofertas elétricas, e revela-se um passo importante no futuro deste tipo de tecnologia de vanguarda.