Mário Patrão terminou a 3.ª edição do Hispania Rally em segundo lugar da classificação geral e 1º da Classe M4.

Mário Patrão secundou sempre o espanhol Joan Pedrero, vencedor da prova, acabando por chegar 22m11s depois. A prova de cinco dias que decorreu em Granada, Espanha, foi disputada por 180 pilotos de 25 nacionalidades, que percorreram 1.500 km durante os 5 dias de competição. A organização tentou inovar ao ser a primeira prova europeia desta especialidade a apresentar o “road book” a cores.Pedro Bianchi Prata foi outro dos portugueses presentes e terminou a prova em 6.º lugar. Ainda no Top 15, Arcélio Couto concluiu o rallly na 14.ª posição.A prova foi marcada, pela negativa, pela morte de Alberto Martinez, no terceiro dia. O piloto basco foi vítima de um acidente de viação ainda antes da etapa começar e não sobreviveu aos ferimentos.