Guarda - Programação entre Janeiro e Abril

Rodrigo Leão, Matt Elliott, Márcia e Chrystabell são alguns dos destaques da programação do TMG - Teatro Municipal da Guarda, para os quatro primeiros meses do ano. De acordo com a autarquia da Guarda, a aposta é “diversificada, para diferentes públicos, gostos e apetências culturais”. São perto de 80 as sessões marcadas entre Janeiro e Abril.A programação tem início com a nova produção do Teatro do CalaFrio, “Emma”, a partir do texto “O Teatro” da autora Emma Santos, nos dias 14 e 15 de Janeiro. Segue-se o espectáculo “Conchichina”, com base num texto do escritor Afonso Cruz, com encenação da conhecida actriz Sandra Barata Belo e música original de Samuel Úria, numa co-produção com o TMG, para ver no Grande Auditório, no dia 22 de Janeiro. Ainda no capítulo do Teatro, a Estação Teatral apresenta a peça “A Avenida: Liberdade!”, dia 27 de Janeiro sobre o impacto da Revolução de Abril a partir de artigos de época do Jornal do Fundão. E já no final do mês é reposto (após adiamento devido à pandemia) o bailado clássico “Quebra Nozes” de Tchaikovsky, nos dias 28 e 29 com duas apresentações no Grande Auditório.O mês de Fevereiro arranca com um espectáculo em co-produção com o TMG no âmbito da Rede 5 Sentidos, “Cabraqimera” da bailarina e coreógrafa Catarina Miranda, no dia 4. Segue-se Piazzolla 100, um concerto que celebra o centenário do músico argentino Astor Piazzolla, no dia 5. A programação continua com Matt Elliott (Inglaterra) no dia 10 e Chrystabell (EUA), cantora e atriz colaboradora do realizador David Lynch que apresenta o seu mais recente disco, “Midnight Star”, no dia 12. Ainda em co-produção, dia 18 terá estreia nacional a nova criação de uma associação cultural Coruja do Mato, com um espectáculo que cruza teatro e multimédia, intitulado “Obscuridade Sublime”. E no dia seguinte, 13, sobe ao palco do Pequeno Auditório, o concerto dos 5ª Punkada, grupo constituído por músicos com paralisia cerebral. O fadista e bailarino Jonas apresenta no Café Concerto o disco de estreia, “São Jorge” no dia 24. O mês de Fevereiro termina, já perto do Carnaval e com a comédia teatral “Monólogos do Pénis”, com os atores Ricardo Carriço e Ricardo Castro.Em Março há dois espectáculos de circo contemporâneo para toda a família, “Cir-K” da companhia Oliveira & Bachtler no dia 3, e “Kdeiraz” da Companhia Chapitô no dia 12. E ainda um espectáculo de música e teatro infantil, “Mininu” de Fernando Mota em reposição, com duas apresentações para o público das escolas. No dia 5 é a vez da cantora rock independente Joan As Police Woman actuar no Pequeno Auditório, seguida no dia 11 pela portuguesa Márcia no Grande Auditório. A 17 de Março regressa a Dança Contemporânea ao TMG com um dos maiores e mais prestigiados coreógrafos portugueses da nova geração: Victor Hugo Pontes e o espectáculo “Os Três Irmãos”. No dia 25 é apresentada a peça de teatro “Perfeitos Desconhecidos”.Em Abril, no dia 7, a cantora americana Emily Jane White estreia-se no TMG e no dia 9 é a vez do espectáculo luso-espanhol, “Quem se Chama José Saramago”, do Teatro das Beiras e do Karlik Danza Teatro que assinala o centenário do escritor português. No dai 21, em regime de co-produção, outro destaque da temporada é a ópera “O Homem dos Sonhos” do compositor António Chagas Rosa e da cantora lírica Catarina Molder.Ainda em Abril, destaque para o espetáculo no âmbito das Famílias ao Teatro, no dia 23, com peça de teatro “Capuchinho” do Teatro Plage, numa nova versão do conto tradicional.No âmbito das Comemorações do 25 de Abril e do Aniversário do TMG, Rodrigo Leão atua no Grande Auditório. E no dia seguinte, 26 o realizador guardense António Lopes estreia o documentário “Cinema em Movimento”.No serviço educativo o destaque vai para Teatro Actus com duas peças de teatro para escolas com base no Plano Nacional de Leitura, em Fevereiro e a “Caixa Para Guardar o Vazio”, uma instalação escultórica e performativa de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro que estará patente na do TMG entre 10 e 26 de Março para escolas, famílias e grupos organizados.A Exposição de Fotografia “Transversalidades” do Centro de Estudos Ibéricos estará patente na Galeria de Arte s de 23 de Abril a 30 de Maio.