Entre 26 de Fevereiro e 12 de Abril

Fundão, Covilhã, Belmonte, Guarda e Sabugal são as cidades que, este ano vão integrar o programa cultural “Quadragésima”, com iniciativas que acontecem entre 26 de Fevereiro e 12 de Abril.A Quadragésima, um programa cultural criado no Fundão para promover e preservar as tradições da Quaresma, tem como base as tradições e vivências de cada concelho.A parceria entre os cinco municípios foi anunciada durante as Jornadas do Clero da Diocese da Guarda, no dia 12 de Fevereiro, numa mesa redonda sobre “A presença da Bíblia nas tradições de Quaresma/Páscoa”, que contou com a participação de Daniela Capelo (Vice-Presidente da Câmara Municipal de Pinhel), Vítor Amaral (Vereador da Câmara da Guarda), Sérgio Rocha (Professor) e Pedro Salvado (Director do Museu do Fundão). A iniciativa, que foi apresentada esta segunda-feira, 17 de Fevereiro, em conferência de imprensa no Fundão, pretende contribuir para o desenvolvimento regional através de uma estratégia comum.Alcina Cerdeira, vereadora da Cultura da Câmara do Fundão, disse tratar-se de “uma proposta conjunta que deve contribuir para reforçar a identidade da região, potenciar o desenvolvimento regional e replicar boas práticas”.A Quadragésima conjuga espectáculos culturais próprios e as várias tradições e cerimónias religiosas que se vivem no período antes da Páscoa, contribuindo assim para preservar o património imaterial local e tem como base as tradições e vivências de cada concelho.Este ano haverá itinerância através do projecto de criação “Ensemble Renovatio”, que será apresentado no Fundão, na Covilhã e na Guarda e também do “Acordai, se estais dormindo”, que acontece nos concelhos da Covilhã, Fundão, Guarda e Belmonte.Regina Gouveia, vereadora da Cultura da Câmara da Covilhã, destacou a o programa da Quadragésima e os benefícios desta “estratégia intermunicipal”, que pode vir a ser alargada a outros municípios, no futuro.O vereador da Cultura na Câmara da Guarda, Victor Amaral, disse que a iniciativa é “um bom exemplo do trabalho em rede.Victor Amaral aproveitou para lembrar um outro projecto, o da candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura 20207, que conta com o apoio de 17 municípios da região e sublinhou que a “marca Quadragésima” fará parte da candidatura.