Teatro Municipal da Guarda
Festival de Música da Beira Interior

A Scutvias apresenta, com o apoio do Teatro Municipal da Guarda (TMG), no sábado, dia 14 de Junho o IX Festival de Música da Beira Interior. Sob a direcção de Rogério Peixinho e com a soprano Dora Rodrigues, este concerto apresenta duas obras do compositor Luís Cipriano: “Variações Portuguesas” e “Viriato”, esta última em estreia.
A obra “Variações Portuguesas” foi composta em 1997 a pedido do Maestro Ivo Cruz. Com a saída do mesmo da Orquestra do Norte, a obra acabou por nunca ter sido estreada. A mesma é baseada em temas populares portugueses e temas originais de características populares. Numa linguagem atonal e para formação sinfónica, assume no contraste de intensidades, dinâmicas e densidade a sua principal característica, tendo permanentemente na sua complexidade a simplicidade da linguagem musical oriunda do dia a dia rural do ponto de vista musical.
“Viriato” é uma obra com cinco andamentos cuja forma se revê num poema sinfónico, tendo como base o poema “Viriato Trágico” de Brás de Mascarenhas (Séc. XVII , Beira Alta). Com uma linguagem que mistura o tonal e o atonal, Luis Cipriano retrata a vida da figura Lusitana num permanente contraste entre o épico e trágico. Os próprios temas dos vários andamentos intercalam o cromatismo com o tonalismo numa clara alusão aos contrastes e rudeza da vida de Viriato. Escrita para Orquestra Sinfónica, Coro e Soprano Solo foi composta para o IX Festival de Música da Beira Interior.