Mêda

A exposição dos trabalhos vencedores do Concurso Internacional de Fotografia Douro Património Contemporâneo está patente ao público na Casa da Cultura de Mêda até 31 de Dezembro. Trata-se de uma iniciativa bienal do Museu do Douro, que conta com o apoio mecenático da EDP e, nesta edição, com a parceria do Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto.O tema proposto foi “Douro: Memória com Futuro”, desafiando os participantes a registar a memória secular da Região Demarcada do Douro, as suas gentes, as suas arquitecturas e os artefactos associados à produção do vinho. Este registo temporal da actualidade constitui-se como uma memória futura de um território em permanente construção. O conjunto de imagens expostas, que corresponde aos três primeiros prémios e a uma menção honrosa, fixou mais do que instantâneos de realidade. Entre a estética, os gestos e as pessoas, observam-se fragmentos de tempo. «Foi com esse olhar e com uma sensibilidade extrema» que os fotógrafos vencedores «captaram o presente e guardarão para o futuro o que no Douro não é imediato e repetido».