Nova iniciativa cultural do Município da Guarda

 Incubadora de projectos artísticos vai apoiar criadores locais‘Incentivart – Incubadora de Projectos Artísticos’ é o novo projecto lançado pelo Município da Guarda para apoiar os artistas e criadores locais.O presidente da autarquia, Carlos Chaves Monteiro, explicou na última reunião de Câmara que esta iniciativa “desafia os artistas a desenvolverem trabalhos no domínio das artes plásticas, artes performativas, dança, música, teatro e literatura, dando-lhes a possibilidade de utilizarem os espaços das estruturas culturais da Guarda para Residências Artísticas”. O resultado destas residências será depois apresentado no Teatro Municipal da Guarda, Museu Regional da Guarda e Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço.Na primeira edição do projecto que começou a 24 de Setembro, com a inauguração de uma exposição no Museu da Guarda, de Carina Leal, os artistas que participam resultam de propostas anteriores à pandemia. “Com esta iniciativa, o Município incentiva e apoia o tecido criativo local, o surgimento de novas ideias e novos criadores, esperando que daqui resultem mais e promissores projectos artísticos, que possam também envolver a comunidade, utilizando uma diversidade de linguagens no universo da Arte Contemporânea”, explica a autarquia.Esta incubadora de projectos artísticos tem os seguintes objectivos: dar a conhecer as mais recentes propostas de artistas do concelho da Guarda que pretendem posicionar-se e mover-se no mundo das artes, nas suas mais diversas formas de expressão; oferecer aos jovens artistas a possibilidade de exporem trabalhos seus, mas também de se confrontarem com os constrangimentos da montagem de uma exposição num determinado espaço; fomentar e difundir a produção artística, a experimentação, a actividade expositiva como meio de reflexão sobre a arte e sobre a cultura visual contemporânea; incentivar expressões artísticas originais a partir de técnicas inovadoras; e promover o alargamento das actividades do Museu da Guarda, do Teatro Municipal da Guarda, da Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço e do ICAA - Intervenção Cultural, Animação e Associativismo, a novos públicos.