Guarda
Feira-concurso do Jarmelo promoveu bovinos da raça jarmelista

Cerca de três dezenas de criadores de gado marcaram presença na 31ª edição da Feira-concurso do Jarmelo, realizada no domingo, dia 1 de Junho, no Alto do Jarmelo, Guarda, com o objectivo de promover o sector pecuário e de incentivar a raça bovina típica daquela região. O certame foi realizado pelas duas Freguesias do Jarmelo (São Miguel e São Pedro), pela Associação Cultural e Desportiva do Jarmelo e pela ACRIGUARDA – Associação de Criadores de Ruminantes da Guarda, com o apoio da Câmara Municipal da Guarda. A feira, que mais uma vez procurou promover o mundo rural de toda aquela região, também integrou o 6.º Concurso Nacional Bovino da Raça Jarmelista, que distinguiu touros, novilhos, vacas e novilhas.
O criador Joaquim António Vicente Gonçalves, de Mãe de Mingança, Jarmelo, obteve o 1.º prémio nas categorias de touros, novilhos e novilhas. Na categoria de vacas, Maria Dulce Jesus Almeida, da Quinta do Soitinho, Famalicão da Serra, obteve o 1.º prémio.
No concurso de caprinos, na categoria de bodes e de anacos, o 1.º prémio foi para Maria São José Pires, de Toito, Ribeira dos Carinhos. Na secção de cabras, ganhou Vítor Manuel Batista Pires, de Rabaça, Castanheira; Nutri Ami, das Vendas da Vela, venceu na categoria de Anacas.
No concurso de ovinos da raça Serra da Estrela, foram atribuídos os 1.ºs prémios a Aurélio António Fernandes, da Vendada (carneiros e malatos) e a Joaquim Miguel Santos, de Miragaia, Pínzio (ovelhas e malatas).
O certame, que atraiu muitos visitantes, começou pelas 8.00 horas com a chegada dos animais sujeitos a concurso. Seguiu-se a avaliação/classificação dos animais a concurso e a entrega dos prémios aos criadores. Ao almoço foi degustada vitela jarmelista e, à tarde, decorreu a habitual garraiada.
A edição deste ano teve como grandes novidades uma mostra de porco bísaro, uma Feira de Enchidos e um Mercado da Terra. Durante o dia houve animação do recinto com a participação de alguns grupos de música tradicional (bombos e concertinas). Para os mais novos, tendo em conta que aquele dia era o Dia Mundial da Criança, estiveram disponíveis insufláveis e alguns cavalos onde puderam experimentar a arte de montar.