‘Guarda Wine Fest’ acontece de 15 a 17 de Julho


‘Guarda Wine Fest’ é o novo projecto de promoção de vinhos e do território, que foi apresentado pelo Município da Guarda e Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior. O evento vai decorrer de 15 a 17 de Julho na Alameda de Santo André, na Guarda. A Guarda vai conviver com vinhos, gastronomia, concertos e experiências, durante três dias.
“Dar nova dinâmica à cidade e ao concelho da Guarda” é o grande desafio do novo projecto de promoção de vinhos e do território, o ‘Guarda Wine Fest’, que vai decorrer de 15 a 17 de Julho na Alameda de Santo André, na Guarda.
A iniciativa é organizada pelo Município da Guarda, Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior e Essência do Vinho / Revista de Vinhos e foi apresentada na última sexta-feira, 27 de Maio.
O evento reunirá cerca de 40 produtores de vinho da Beira Interior, a que se juntam representações de duas Denominações de Origem, o Douro e o Dão, todas presentes no território do distrito da Guarda.
“A partir deste evento queremos galvanizar toda a região” disse o presidente do Município da Guarda. Sérgio Costa adiantou que “este projecto só se tornou possível com a participação do Dão e do Douro” uma vez que o distrito da Guarda tem territórios que integram estas Denominações de Origem.
Rodolfo Queirós, Presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior, apontou o ‘Guarda Wine Fest’ como “um evento diferente e distintivo” a par de outros que já se realizam na região, como o ‘Beira Interior – Vinhos & Sabores’ em Pinhel. Apontou o vinho como “um sector muito importante para a região”.
Rodolfo Queirós destacou o facto do projecto ‘Guarda Wine Fest’ acontecer no verão o que não é muito habitual no sector dos vinhos. E vaticinou: “Que este seja o primeiro de muitos eventos”.
No ‘Guarda Wine Fest’ os produtores representados vão apresentar não só as novidades que estão a lançar no mercado, mas também vinhos icónicos, reconhecidos da generalidade dos consumidores. “Uma oportunidade única de interpelar os autores, captando mais facilmente castas e entendimentos de viticultura e de enologia, viajando no copo por uma multiplicidade de paisagens e lugares especiais”, considera a organização do evento.
Na apresentação ‘Guarda Wine Fest’, Gilberto Igrejas, presidente do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto, disse que “as regiões não vivem isoladas”, destacando o facto de o Douro ter três concelhos que são do Distrito da Guarda (Mêda, Vila Nova de Foz Côa e Figueira de Castelo Rodrigo).
Arlindo Cunha, Presidente da Comissão Vitivinícola Regional do Dão viu no ‘Guarda Wine Fest’ uma ideia criativa que junta o território do distrito da Guarda através do Vinho. Considerou que “a Beira Interior tem muitas potencialidades pois “é uma zona com tradição de produção de vinho”.
O programa do ‘Guarda Wine Fest’ integra “Conversas sobre Vinho”, com especialistas convidados e provadores da Revista de Vinhos, bem como gastronomia e música.
O evento convidará dois conceituados chefes de cozinha a protagonizar sessões de show cooking, onde a mestria das técnicas culinárias exponenciará a autenticidade ímpar de produtos autóctones. Em simultâneo, três espaços de restauração estarão em funcionamento durante o evento. Na música, o jazz será o estilo privilegiado, através da interpretação ao vivo, em concertos intimistas, de clássicos intemporais e originais de sonoridade contemporânea.
O ‘Guarda Wine Fest’ terá entrada livre, ficando a participação nas actividades do programa sujeita aos lugares disponíveis. As provas de vinho nos diferentes expositores serão possíveis com a aquisição do copo oficial de provas.
Aberto a toda a população, o ‘Guarda Wine Fest’ “é um evento que vem para ficar”, considera Sérgio Costa.