Guarda – Entrega do Prémio Eduardo Lourenço 2020

A inauguração do Memorial Eduardo Lourenço e a entrega do Prémio Eduardo Lourenço 2020, ao Professor Ángel Marcos de Dios, são alguns dos momentos que vão assinalar a data de aniversário do nascimento de Eduardo Lourenço, esta sexta-feira, 21 de Maio. Do programa das comemorações faz ainda parte o Webinar ‘Leituras de Eduardo Lourenço’, com apresentação e moderação de Guilherme d´ Oliveira Martins e intervenções de Paulo Filipe Monteiro (Universidade Nova de Lisboa), Francisco Noa (Moçambique) e Nuno Grande (Universidade de Coimbra).A Sessão de Entrega do Prémio Eduardo Lourenço 2020 a Ángel Marcos de Dios, Professor Catedrático jubilado da Universidade de Salamanca, será às 11.00 horas, na Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço, na Guarda.O Prémio Eduardo Lourenço visa galardoar personalidades ou instituições com intervenção relevante no âmbito da cultura, cidadania e cooperação ibéricas.Na 16ª edição, o júri reconheceu o mérito académico e científico de Ángel Marcos de Dios na área da Língua e Literatura portuguesas e a sua longa e profícua dedicação ao desenvolvimento e aprofundamento das relações culturais e académicas entre Portugal e Espanha. O Catedrático da Universidade de Salamanca junta-se a um vasto leque de premiados, onde se inclui Maria Helena da Rocha Pereira, Professora da Universidade de Coimbra (2005), Maria João Pires, Pianista (2007), César António Molina, Escritor (2010), Mia Couto, Escritor (2011), Agustina Bessa- Luís, escritora (2015), Luis Sepúlveda, escritor (2016), Fernando Paulouro das Neves (2017), jornalista e escritor e Carlos Reis, professor e investigador (2019), entre outros.O Projecto ‘Leituras de Eduardo Lourenço’, marcado para as 15.00 horas, assume a obra do Ensaísta como elemento congregador e pretende, além de gerar um movimento cultural de discussão e (re)leitura critica do seu legado, promover a reflexão dum pensamento vasto e labiríntico através de múltiplas iniciativas, onde se inclui um Ciclo de Seminários que decorrerão durante 2021 e 2022.O projecto é coordenado por António Pedro Pita (Universidade de Coimbra), Margarida Calafate Ribeiro e Roberto Vecchi (Cátedra Eduardo Lourenço, Universidade de Bolonha) e Rui Jacinto (Centro de Estudos Ibéricos e CEGOT-Universidade de Coimbra). Apresentado e moderado por Guilherme d´ Oliveira Martins, Administrador da Fundação Calouste Gulbenkian e Presidente do Centro Nacional de Cultura, este projecto conta com intervenções de Paulo Filipe Monteiro (Universidade Nova de Lisboa) Francisco Noa (Moçambique); Nuno Grande (Universidade de Coimbra). No ano em que se comemoram 20 anos da assinatura do protocolo fundador do CEI entre os Reitores da Universidade de Coimbra, da Universidade de Salamanca e a Presidente da Câmara Municipal da Guarda (27 de Novembro de 2000), como da formalização da respectiva escritura pública (18 de Maio de 2001), o Centro de Estudos Ibéricos presta uma singela e sentida homenagem ao seu mentor, patrono e Director Honorífico com a inauguração de um espaço Memorial na sede onde estão expostos alguns Prémios, Diplomas e Condecorações que o Professor Eduardo Lourenço legou à Guarda.Para assinalar a data, será apresentada a Gravura ‘Eduardo Lourenço – Heterodoxias’ e a medalha comemorativa dos vinte anos do CEI, ambas da autoria de João Pedro Cochofel.